segunda-feira, novembro 18

A volta às origens

Vivemos em constantes ciclos. Ao mesmo tempo em que buscamos novidades, fazemos um resgate de momentos marcantes. Muito disso pode ser exemplificado olhando para as tendências da moda. O que hoje é desejado, ontem saiu da moda, mas anteontem era muito parecido com o que é sucesso hoje.

Na gastronomia os ciclos são mais longos. Tivemos a febre do tomate seco, da gastronomia molecular, dos alimentos orgânicos e, mais recentemente, trouxemos à tona algo que nunca deveria ter saído de evidência: os produtos artesanais.

Entre hambúrgueres, queijos, embutidos, cervejas, cachaças, geleias e uma infinita gama de produtos, podemos perceber que o consumidor tem buscado esses produtos, sempre que possível, por entender que mesmo com um preço um pouco mais alto, o valor que essas delícias carregam é infinitamente superior e compensa o pouco mais do dinheiro pago.

Se você já provou um hambúrguer, um queijo ou uma cervejinha feita por um pequeno produtor, entende como é essa diferença. Minha melhor definição para essa comparação só pode ser feita utilizando a palavra: incomparável.

Levanto a bandeira do artesanal há bastante tempo. Não só pela qualidade, mas por saber que estou ajudando a desenvolver produtores que, assim como eu, carregam muita paixão naquilo que fazem.

Minha vida são as cervejas. E você, qual a sua escolha artesanal?

Ronaldo Rossi

Coluna Toque do Chef em JornalDomingo.com.br
*Chef de cozinha autodidata, professor e consultor na área de gastronomia; especialista em cervejas e harmonizações; jurado de concursos cervejeiros; curador de eventos cervejeiros; colunista da Revista da Cerveja; nutricionista, criador e coordenador do Cervejocast e do canal
Confraria do RR; idealizador do BeerCON; professor em formação de sommelieres de cerveja desde 2011. Foi inventor da Cervejoteca, a
mais antiga loja de cervejas de São Paulo.
E-mail: falecom@ronaldorossi.com.br
Ronaldo Rossi

Últimos posts por Ronaldo Rossi (exibir todos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *