sexta-feira, setembro 20

Autor: Júnior Rosa

Nova Lei do Distrato Imobiliário

Nova Lei do Distrato Imobiliário

Colunas, Colunistas, Júnior Rosa
Caros leitores, em dezembro de 2018 foi sancionada a chamada ”Nova Lei do Distrato” (lei 13.786/2018) que regulamenta o distrato imobiliário para o cliente que desistir da compra de um imóvel. Esta lei veio na esteira da imensa crise que se abateu sobre o setor imobiliário a partir do ano de 2014, quando o volume de distratos bateu recordes, levando grandes incorporadoras à beira da falência. Pois bem, em linhas gerais, a lei agora endureceu os termos para distratar os imóveis negociados na planta, sendo que em alguns casos o comprador que quiser distratar poderá deixar até 50% do valor pago à construtora como multa, caso o regime da incorporação adotado seja de patrimônio de afetação – no qual os valores pagos pelos compradores de um empreendimento são destinados exclusivamente para a s
Sociedades de profissionais médicos x Receita Federal

Sociedades de profissionais médicos x Receita Federal

Colunas, Colunistas, Júnior Rosa
“Uma nação que tenta prosperar a base de impostos é como um homem com os pés num balde tentando levantar-se puxando a alça”. Winston Churchill (1874-1965) Caros leitores, notícias recentes na mídia dão conta de que profissionais da área médica estão sendo autuados pela Receita Federal por terem, supostamente, constituído sociedades de profissionais com o único intuito de reduzir a carga tributária de suas atividades, aduzindo a Receita Federal que esse tipo de constituição de sociedades de profissionais seria instituída dessa forma com o intuito de simular a prestação de serviços por meio das sociedades e, posteriormente, a distribuição de lucros evitando a incidência de alíquotas maiores do Imposto de Renda – IR. O fisco Federal argumenta, nestes casos, que as sociedades teriam sido co
Poesia sobre mulheres  -  Silvana Duboc

Poesia sobre mulheres  -  Silvana Duboc

Colunistas, Júnior Rosa
Ser mulher Ser mulher… É viver mil vezes em apenas uma vida. É lutar por causas perdidas e sempre sair vencedora. É estar antes do ontem e depois do amanhã. É desconhecer a palavra recompensa apesar dos seus atos. Ser mulher… É caminhar na dúvida cheia de certezas. É correr atrás das nuvens num dia de sol. É alcançar o sol num dia de chuva. Ser mulher… É chorar de alegria e muitas vezes sorrir com tristeza. É acreditar quando ninguém mais acredita. É cancelar sonhos em prol de terceiros. É esperar quando ninguém mais espera. Ser mulher… É identificar um sorriso triste e uma lágrima falsa. É ser enganada, e sempre dar mais uma chance. É cair no fundo do poço, e emergir sem ajuda. Ser mulher… É estar em mil lugares de uma só vez. É fazer mil papeis ao mesmo tempo. É ser